conecte-se conosco

Olá, o que você está procurando?

Jogos

Battlefield 1 – Uma campanha fraca | Review

Battlefield 1 é um jogo muito imersivo e que nos leva à Primeira Guerra Mundial com maestria, mas deixou a desejar com o seu roteiro da curta campanha.

Battlefield 1
Imagem: Divulgação/Electronic Arts

Battlefield 1, o primeiro Battlefield ambientado na primeira guerra mundial, foi tradicionalmente desenvolvido pela DICE e publicado pela Electronic Arts. Sendo assim, o décimo quarto jogo da franquia Battlefield. Foi lançado em outubro de 2016 para PC, PlayStation 4 e Xbox One. O modo campanha de Battlefield 1 é dividido em 6 capítulos em que somos introduzidos na Primeira Guerra Mundial conhecendo a história, baseada em fatos reais, de alguns soldados.

O primeiro capítulo é destinado à história de vários soldados norte-americanos na França durante uma ofensiva do Império da Alemanha. O segundo conta a história de um chofer britânico que após sua entrada na guerra é encarregado de ser motorista do tanque Mark V, e sua participação na segunda Batalha de Cambrai.

Battlefield 1

Imagem: Divulgação/Electronic Arts

No terceiro capítulo mostra a história de um norte-americano alistado no Corpo de Voo Real Britânico, que engana seu comandante para roubar seu avião. Durante um treinamento acaba encontrando uma importante base alemã na França por acaso, e lançando uma ataque sobre ela. Porém seu avião é abatido e cai em terra de ninguém, ele salva seu companheiro mas é preso por ter enganado seu comandante. Já em Londres para ser julgado, acontece um ataque com balões dirigíveis, então liberto ele luta para destruir a ofensiva inimiga.

No quarto episódio temos a história de um soldado italiano, membro dos Arditi que recebe a missão de apoiar o pelotão de seu irmão gêmeo num ataque a um forte do Império Austro-Hungaro. No quinto episódio nos deparamos agora no teatro de operações do Oriente Médio, um Australiano do ANZAC que ataca a praia de Galípoli no Império Otomano, se vê forçado a ajudar um jovem que acaba de se alistar enquanto luta contra a defesa Otomana, e vê crescer seu carinho pelo jovem.

No quinto e último episódio temos a história dos Beduínos liderados pelo Britânico T.E. Lawrence, na sua luta por independência árabe. Controlando uma mulher, o objetivo é destruir um trem fortemente blindado.

Leia também: Dying Light – Parkour e Zumbis, uma combinação excelente | Análise

O pré-lançamento do jogo teve diversos trailers que chamaram muito a atenção dos gamers e as suas histórias com diversas cutscenes bem realistas fizeram com que o jogo fosse um sucesso de venda.

Uma das melhores coisas que se pode falar de Battlefield 1 é a jogabilidade, é bem realista e detalhista, você se sente como um soldado com a forma que o personagem se movimenta e com os excelentes efeitos sonoros. Battlefield 1 conta com uma excelente ambientação e apesar de ser um jogo linear ele conta com cenários complexos para serem looteados para o encontro de diversas armas. Por falar em armas, Battlefield 1 conta, obviamente, com armas específicas do conflito e elas são diversas, obtendo também armas brancas como: Pá, Picareta, Faca, e Bastão com Pregos.

Battlefield 1

Imagem: Divulgação/Electronic Arts

Uma forma de eliminar os inimigos é sendo bem cauteloso e para conseguir chamar o inimigo para perto e conseguir golpeá-los você consegue jogando uma “isca”, que nada verdade seria cartuchos de balas. Caso você seja visto, há um tempo para você conseguir matar o inimigo antes de ser totalmente descoberto e, além das armas brancas, você pode usar armas com silenciadores que são encontradas nas caixas verdes, sendo elas muito importantíssimas.

Apesar da jogabilidade de Battlefield 1 ser incrível, você contra diversos bugs no decorrer da campanha como, por exemplo, o sumiço de objetos e personagens em gameplay ou em cutscenes. Mas acredito que o motivo maior com que faz os fãs de Battlefield ou de FPS ficarem com um pé atrás é o modo campanha.

É um modo campanha muito curto e que falha em momentos específicos como ao tentar emocionar o jogador com uma carga emocional de personagens em uma narrativa bem curta em que acaba não tendo êxito e suas transições de momentos do enredo que faz com que o jogador tenha a sensação de que o jogo quer dizer: “Sem enrolação, termine o jogo”.

Battlefield 1 é um jogo muito imersivo e que nos leva à Primeira Guerra Mundial com maestria, mas deixou a desejar com o seu roteiro da curta campanha.

“Milhões de soldados lutaram na “guerra que acabará com todas as guerras”. Porém, não acabou com nenhuma.” – Battlefield 1

Nota
  • História
  • Gráfico
  • Jogabilidade
  • Trilha Sonora
  • Efeitos Sonoros
  • Inteligência Artificial
4

Conclusão

Battlefield 1 é um jogo muito imersivo e que nos leva à Primeira Guerra Mundial com maestria, mas deixou a desejar com o seu roteiro da curta campanha.

Nota
  • História
  • Gráfico
  • Jogabilidade
  • Trilha Sonora
  • Efeitos Sonoros
  • Inteligência Artificial
4

Conclusão

Battlefield 1 é um jogo muito imersivo e que nos leva à Primeira Guerra Mundial com maestria, mas deixou a desejar com o seu roteiro da curta campanha.

Gostou da análise? Deixe o seu comentário e me siga nas redes sociais!

Escrito por

Olá, eu sou o Matheus. Atualmente estou graduando em Publicidade e Propaganda, atuando como CEO e Diretor de Criação na Araujo Media, Gerente Comercial da TFX LATAM e sou o Idealizador do portal Brazilian History.

Comentários
Espaço Publicitário
Espaço Publicitário

Você também pode gostar desses artigos

Star Wars Jedi: Fallen Order - Entrega muito, mas poderia entregar muito mais | ReviewStar Wars Jedi: Fallen Order - Entrega muito, mas poderia entregar muito mais | Review

Jogos

Star Wars Jedi: Fallen Order é um jogo que, apesar de alguns problemas técnicos e oscilações na trama, oferece uma experiência memorável.

Resident Evil 3 Remake - Muito bom, mas poderia ser melhor | ReviewResident Evil 3 Remake - Muito bom, mas poderia ser melhor | Review

Jogos

Resident Evil 3 Remake oferece uma jornada emocionante e cheia de sustos!

Resident Evil 2 Remake - Uma atmosfera brilhante ReviewResident Evil 2 Remake - Uma atmosfera brilhante Review

Jogos

Confira a minha review de Resident Evil 2 Remake!

GTA Vice City: The Definitive Edition - O jogo continua quase perfeito | ReviewGTA Vice City: The Definitive Edition - O jogo continua quase perfeito | Review

Jogos

Confira o meu review de GTA Vice City: The Definitive Edition!